Desenvolvendo FOCO e atenção plena para realizar seus objetivos

Desenvolvendo FOCO e atenção plena para realizar seus objetivos

Daniel Goleman, autor do best-seller Inteligência Emocional, considera que o Foco é uma ferramenta essencial para as pessoas que querem atingir altos níveis de desempenho e obter melhores resultados no mundo complexo em que vivemos.

Abordando temas como autocontrole, autoconsciência, autorregulação, liderança, atenção seletiva, distrações emocionais, hábitos, criatividade, metacognição, empatia, feedback e emoções, o autor apresenta uma série de pesquisas, histórias, técnicas e dicas úteis para desenvolver a atenção plena.

A atenção plena nos leva a ter desejos materiais mais modestos e a gastar mais tempo e energia atendendo às nossas necessidades mais profundas e satisfatórias, nossas necessidades de significado e conexão. Jeffrey Sachs

O termo Atenção vem do latim “attendere”, que significa entrar em contato, nos conectar ao mundo, moldar e definir a nossa experiência.

A habilidade de atenção determina o nível de competência com que uma tarefa é realizada, e funciona praticamente como um músculo que pode (e precisa) ser fortalecido. Quanto mais tempo você investir em um treino com concentração total, mais desenvolvido e refinado será o seu desempenho.

E o que é preciso para você “treinar” de forma inteligente?

O desafio de escrever e publicar um e-book

Quero te contar sobre como eu escrevi e publiquei o meu e-book de planejamento para mulheres empreendedoras. Quem sabe você se anima a lançar um e-book também, compartilhando o seu conhecimento e experiência com o mundo.

Tudo começou com o desafio do hábito, um programa de sete semanas em que sete mulheres corajosas toparam o desafio de mudar ou criar um hábito. (conheça um pouco mais sobre o desafio clicando aqui). Com o lema “não basta ser Coach, tem que participar”, além de promover e coordenar o programa, orientar as participantes e organizar os encontros, eu me comprometi a criar um novo hábito e participar ativamente do desafio. O meu objetivo era criar o hábito de escrever durante 30 minutos no mínimo 3 x semana.

O início não foi fácil. Houveram muitas interrupções e distrações. E nesse ponto foi muito interessante perceber como a maioria dessas distrações eram causadas por mim mesma, pelo fato de eu arrumar inúmeras outras atividades para fazer nos momentos em que deveria estar escrevendo, uma espécie de autossabotagem. E como tudo começou a ficar mais fácil? 

Criando (e atingindo) metas desafiadoras

Criando (e atingindo) metas desafiadoras

Este livro convida a uma reflexão sobre as dificuldades para realizar metas e objetivos, e apresenta uma abordagem muito interessante e prática para você criar uma meta extraordinária e desafiadora. Segundo o autor, se você define metas inadequadas ou incompletas, e seu cérebro fica indeciso ou entediado, nem todos os rituais diários e nem toda a disciplina do mundo vão ajudá-lo a ter sucesso. Não são os hábitos diários nem quantos números você é capaz de escrever em uma planilha que decidem o sucesso da sua meta: é o engajamento do seu cérebro. Essas são as características que distinguem os grandes realizadores de todas as outras pessoas.

E o que são metas que desafiam?

Evento: Gestão do Tempo e Produtividade para empreendedoras

Evento: Gestão do Tempo e Produtividade para empreendedoras

No dia 27 de junho tive a oportunidade de palestrar para um grupo de mulheres, a convite da Cia Empreendedora.

É interessante observar o crescente interesse das mulheres em empreender. Os motivos são diversos: ter uma renda extra, ficar mais tempo perto dos filhos, ter autonomia e independência, vocação ou necessidade. Mas junto com o desejo de empreender vem a vontade de se sentir  no controle da situação, vem a pressão para “dar conta de todas as atividades”, “ter tempo pra resolver todos os problemas (seus e dos outros)”, “ser multitarefa”. E essa pressão muitas vezes é autoimposta, é inconsciente, tendo origem em uma cultura muito forte onde a mulher se sente na obrigação de cuidar, de contribuir, de arrumar, de resolver.

A vida de uma empreendedora não é só glamour e felicidade. É preciso muita disciplina, foco, garra, planejamento e organização para que você transforme a sua vida, e o seu empreendimento, em algo não somente prazeroso mas também rentável. E o que fazer para conciliar tantas atividades da vida pessoal e profissional, fazer mais e melhor em menos tempo?

Como o Coaching pode te ajudar a assumir o controle da sua agenda

Como o Coaching pode te ajudar a assumir o controle da sua agenda

Quem nunca teve vontade de desejar que o dia tivesse mais de 24 horas, pra dar conta de todas as atividades e pendências? Mas será que, se o dia pudesse ter 26 horas, não iríamos querer que ele tivesse 28 horas, e assim por diante?

Cada pessoa tem o seu “tempo produtivo” durante o dia, que varia de acordo com o seu nível de energia e com a quantidade de tarefas que precisa realizar.

Assim como você recarrega frequentemente o seu celular, o seu corpo e mente também precisam ser recarregados. E isso pode ser conseguido com uma boa noite de sono, exercícios físicos, atividades de lazer e que façam você se sentir feliz. Ficar fazendo hora extra quando está cansada muitas vezes pode ser uma grande perda de tempo, pois com um nível baixo de energia você pode demorar muito mais pra realizar uma atividade e ainda aumentar o seu desgaste e estresse.

E de nada adianta você estar com um nível alto de energia se você não conseguir ter a consciência das atividades que são prioritárias, aquelas que vão te trazer melhores resultados.

“O certo não é priorizar o que está em sua agenda, mas agendar suas prioridades”. Stephen Covey

E como você consegue identificar, em uma lista imensa de tarefas para realizar, quais são as mais importantes? Como ter uma tomada de decisão ágil e assertiva? Como você pode assumir o controle da sua agenda e colocar nela as suas prioridades e não as prioridades das outras pessoas?

Pequenas pedras – reservando espaço para o que realmente importa

Esse vídeo apresenta, de uma forma bem interessante, como é importante reservar um espaço na nossa agenda para as coisas mais importantes.

Geralmente o que fazemos é lotar a agenda com ações do cotidiano que não contribuem para realizar os nossos objetivos (muitas vezes, essas ações inclusive nos afastam das metas e objetivos).

A cada momento precisamos fazer escolhas, e a correta identificação e alocação das nossas ações diárias contribuem para otimizarmos o nosso tão precioso tempo.

Esse é um dos meus vídeos favoritos e sempre usei esse conceito, na minha pessoal e profissional, com excelentes resultados.

O segredo não é priorizar o que está em sua agenda, mas agendar suas prioridades.

Algumas dicas:

  • Tenha a clareza de quais ações são realmente importantes, para não ficar resolvendo somente as atividades urgentes
  • Não “feche” a sua agenda. Deixe espaços livres para os imprevistos, que certamente irão acontecer
  • Habitue-se a ter um momento na semana (domingo de noite ou 2a feira de manhã) para organizar a sua agenda e reservar os espaços para as atividades importantes
COVEY, Stephen R. Os sete hábitos das pessoas muito eficazes. São Paulo: Best, 1989.