Planejando a Divulgação nas Redes Sociais em 6 passos

Planejando a Divulgação nas Redes Sociais em 6 passos

O que você pode fazer para otimizar o seu tempo e criar post’s com maior chance de serem acessados e lidos?

Com planejamento, preparação, conhecimento do seu cliente, técnicas e ferramentas você pode ser mais produtivo na divulgação das mensagens que quer transmitir.

Conhece as expressões “correr atrás do rabo”, “girar em círculos”, “andar feito barata tonta”? Se você partir direto para a execução e não tiver a clareza do resultado que espera obter, se não tiver uma meta e um objetivo específicos, pode perder o maior tempão gerando uma serie de post’s e que não necessariamente vão trazer algum retorno.

Que tal planejar e organizar os seus post’s nas redes sociais utilizando uma ferramenta básica e simples de planejamento e organização, conhecida como 5W1H?

Confira abaixo 6 passos simples.

Lidando com as frustrações da vida empreendedora

Lidando com as frustrações da vida empreendedora

Você, como empreendedor, já teve a sensação de levar um banho de água fria no rosto? Sabe quando você planeja, organiza, faz plano A, plano B, e quando pára pra avaliar verifica que a maioria das coisas não saiu conforme o planejado?

As frustrações fazem parte da vida da vida empreendedora e uma das formas de lidar com elas é alinhar expectativas, principalmente consigo mesmo e com as pessoas ao seu redor, aquelas que vão participar direta ou indiretamente das mudanças, da implementação das ideias e dos novos projetos.

Se a sua expectativa for muito alta e os resultados forem abaixo do esperado, você corre o risco de ficar frustrado, desanimado, sem esperança, podendo até ficar doente. Por outro lado, se você não tiver expectativa nenhuma, qualquer resultado que você alcançar poderá ser satisfatório.

“Feito é melhor do que perfeito. Mirar a perfeição causa frustração, no melhor cenário, e paralisa, no pior.” Sheryl Sandberg – COO do Facebook

Uma outra forma de lidar com as frustrações é desenvolver um mindset de crescimento, permitindo-se efetivamente gostar do que faz, e continuando a gostar mesmo diante de dificuldades.

Imagine uma cena com um bebê que está aprendendo a caminhar.

Encontre mais tempo delegando atividades

Encontre mais tempo delegando atividades

Empreendedores geralmente tem uma agenda lotada de atividades, compromissos e responsabilidades. Na maioria das vezes é muito complicado dar conta de tudo. Aprender a delegar pode te ajudar a conseguir muito mais tempo para dar foco nas atividades prioritárias e mais rentáveis.

Quando você delega está transmitindo poderes, dividindo responsabilidades e dando autonomia para que outras pessoas executem ações que geralmente são feitas por você.

Na teoria é tudo muito mais fácil. O que geralmente acontece na prática empreendedora é a pessoa acumular ainda mais tarefas pessoais e profissionais, correndo o risco de entrar em um loop infinito de “coisas demais e tempo de menos”.

Confira abaixo algumas dicas práticas para você fazer uma delegação bem-sucedida e usar melhor o seu tempo e dinheiro.

Mude seu mindset para encontrar “tempo livre”

Mude seu mindset para encontrar “tempo livre”

O que você faria se tivesse mais tempo livre na sua agenda?

Se você tem dificuldades em gerenciar o seu tempo, confira aqui algumas dicas úteis e simples para você encontrar o tempo livre que tanto procura.

Acredite que você tem tempo

O primeiro passo para ter tempo livre é deixar de lado aquela clássica afirmação de “eu não tenho tempo.” Se você ficar repetindo isso para si mesmo e para as outras pessoas, as chances de você realmente ficar com a sensação de que não tempo para nada vai ser muito alta.

Pense que o seu dia é uma conta bancária. A cada dia você recebe 24 horas para usar como bem entender. No fim do dia essa conta é zerada e você recebe mais 24 horas, como se fosse um presente. Depende somente de você decidir como vai utilizar esse presente, as horas que ganhou. Você pode usar o seu tempo de uma forma produtiva ou jogar ele pela janela e ficar com a sensação de que não tem tempo.

Defina com antecedência o que vai fazer com o tempo livre

Você precisa ter muita clareza e segurança de saber o que quer fazer com o seu tempo livre. Pois, uma vez que você encontre mais tempo livre, e com certeza irá, se não souber onde e como vai utilizá-lo, as outras pessoas podem devorar o seu tempo livre como dinossauros famintos.

Em maio de 2016 eu participei de uma enquete sobre esse tema nas redes sociais, feita pelo Christian Barbosa, e fiz questão de conferir e analisar 366 das respostas dos participantes.

O que as pessoas fariam com seus tempos livres?

Procurando a “luz no fim do túnel”

Procurando a “luz no fim do túnel”

Se você é empreendedora já deve ter acontecido de você ter se sentido em alguns momentos no escuro, sozinha, perdida, muitas vezes sem dinheiro e sem tempo, precisando de ajuda e de orientação. Querendo encontrar uma “luz no fim do túnel.”

Lembro de uma vez quando eu estava hospedada a trabalho em um hotel em Londrina, e meu quarto ficava no penúltimo andar do prédio. No último andar tinha uma piscina pequena com umas cadeiras e mesas, um ambiente bem gostoso. Eu tinha chegado do trabalho mas ainda tinha muita coisa pra fazer. Então eu decidi trabalhar mais um pouco nas mesas perto da piscina. Peguei o meu notebook, cadernos, lápis, garrafinha de água e mais um monte de coisas e resolvi subir pela escada, pois era somente um lance de andar.

Logo que eu entrei naquelas portas “corta-fogo” e comecei a subir, a luz apagou. Ficou tudo realmente muito escuro, eu não enxergava absolutamente nada. E onde estava o interruptor? É claro que eu não encontrava. A minha primeira sensação foi de pânico. Eu estava no meio da escada com degraus pra todo lado e eu tinha medo de cair. Fiquei na dúvida se eu voltava ou ia em frente. Me lembro como se fosse hoje da sensação ruim, de estar sozinha, sem saber pra que lado ir, e principalmente, no escuro total. As opções gritar e chorar foram consideradas, mas descartadas rapidamente. Imaginei que seu eu gritasse ninguém ia me ouvir. Sentar no chão e ficar chorando também não ia resolver, embora pudesse ajudar a extravasar e eliminar um pouco a angústia que eu estava sentindo. Eu também não queria derrubar o meu notebook e estava praticamente sem mãos livres. (no melhor estilo mãe de duas meninas, sempre com as mãos ocupadas).

Como eu saí dessa situação?

3 passos para uma comunicação objetiva

3 passos para uma comunicação objetiva

Já aconteceu de você falar alguma coisa para outra pessoa e ela entender de uma forma bem diferente?

Quando a minha filha Heloísa tinha três anos de idade e estava exagerando nas guloseimas eu falei pra ela que “a partir daquele dia ela só ia comer chocolate e doces no fim de semana”. Ela concordou na hora e ficou bem quietinha. Quando chegou a hora do almoço do sábado e fomos comer arroz e feijão ela reclamou e me disse: “não mamãe, você combinou comigo que eu só ia comer chocolate e doces no fim de semana.”

“Comunicação é a arte de ser entendido”. Peter Ustinov

O processo de comunicação é essencial para a construção e manutenção de relacionamentos pessoais e profissionais, para você vender seus produtos e serviços, para você ajudar outras pessoas. Mas não é um processo fácil.

Quantas vezes você teve problemas de relacionamento por falhas de comunicação, com familiares, colegas de trabalho e amigos?

Avalie o tempo de uso no iPhone com o App Moment

Avalie o tempo de uso no iPhone com o App Moment

Você briga com os seus filhos porque acha que eles ficam muito tempo no celular? Ou é a sua família que está querendo a sua atenção e reclamando que você está trabalhando demais? Como saber se você está viciada no seu iPhone?

O aplicativo Moment monitora o tempo que você (e a sua família) passam no iPhone. O slogan utilizado pelo app é “Get back to your life”, com o sentido de você ter mais tempo para curtir a vida e se relacionar com as pessoas ao seu redor, ao invés de ficar 24 horas por dia com os olhos fixados no seu aparelho.

Ele te ajuda a ter consciência de quanto tempo você usa o telefone por dia e quantas vezes você pega o celular para fazer alguma atividade. Apresenta dados, estatísticas e gráficos diários, semanais e mensais para que você possa controlar melhor o seu tempo, definir limites de uso diário e ser notificada quando ultrapassar esse limite.

O monitoramento é feito de forma automática e “invisível”, consumindo pouca memória do seu celular.

Quais são os motivos que levam uma pessoa a ficar muito tempo no celular?