FOCO e produtividade para empreendedoras

FOCO e produtividade para empreendedoras

Trabalhar o foco e a atenção plena são essenciais para você, mulher empreendedora, que procura conciliar todos os papéis da sua vida pessoal e profissional.

A tecnologia pode te ajudar a desenvolver o foco e a concentração para usar melhor o seu tempo, ganhar agilidade, diminuir o estresse e atingir seus objetivos.

Participe do Workshop online, que acontecerá no dia 15/03/2018, de 09:00 a 10:30.

As vagas são limitadas e as turmas pequenas, para você poder colocar em prática os novos conhecimentos.

Para fazer sua inscrição clique aqui.

Conteúdo:

  • conceito multitarefa
  • teste de foco
  • lidando com as distrações
  • priorizando atividades
  • otimizando o uso do seu tempo nas redes sociais
  • autodisciplina
  • aplicativos de treinamento cerebral

“A realidade está onde você coloca sua atenção.” William James

Workshops de produtividade para mulheres empreendedoras

Workshops de produtividade para mulheres empreendedoras

Iniciamos agora em março os Workshops de Produtividade para mulheres empreendedoras que querem aprender, praticar, trocar experiências, utilizar melhor o seu tempo, aumentar a sua segurança, autoconfiança e acelerar resultados.

Os Workshops online acontecem nas 4as feiras, de 9:00 a 10:30.

Os Workshops Presenciais, em São Paulo, tem 2 horas de duração, nas 5as feiras, de 9 a 11 horas.

Confira aqui as datas e horários para inscrição.

💜 Obs: Os Workshops são gratuitos para as participantes dos Programas de Coaching e Mentoria para mulheres empreendedoras Restartme.

Entre em contato para maiores informações e para consultar preços de pacotes com descontos especiais.

“Aprender é a única coisa de que a mente nunca se cansa, nunca tem medo e nunca se arrepende.” Leonardo da Vinci

 

 

 

Adelaide Giacomazzi
Adelaide Giacomazzi

Calendário 2018

Calendário 2018

Como fazer com que o seu novo ano seja produtivo, com menos estresse, melhores resultados e mais retorno financeiro? Com planejamento e organização.

E você pode começar de uma forma bem simples, utilizando um calendário e organizando a sua agenda anual. (baixe aqui o calendário 2018)

Você sabe como surgiu a divisão dos meses do calendário? Encontrei essa explicação em um vídeo muito interessante de Mário Sérgio Cortella. Ele explica que até o século I a.C. o ano se iniciava em 1 de março, e o último dia era 28 de fevereiro. Como o ano iniciava em março, setembro era o mês sete, outubro era o mês oito, novembro era o mês nove, e dezembro era o mês dez. Foi Júlio César que alterou o calendário e colocou janeiro e fevereiro no início do ano. Dessa forma, fevereiro passou a ser o mês mais curto, servindo para ajustar o calendário.

A palavra fevereiro vem de uma divindade etrusca – februa – que é a divindade da purificação, da queima, da febre. A febre purifica, isto é, ela faz com que haja a anulação daquilo que não serve e a proteção daquilo que serve. Os antigos usavam o fim do ano para pensaram sobre a vida, o que tinham feito e o que deveriam fazer.

Pouco a pouco o mundo foi adotando o dia primeiro de janeiro como o primeiro dia do ano. E com essa mudança, muitos passaram a fazer essa avaliação em dezembro. Quando se aproxima 31 de dezembro, alguns tem o hábito de pensar naquilo que fizeram. Isto é típico de algumas religiões, entre elas o judaísmo, islamismo e cristianismo.

Segundo Cortella, em um tom de brincadeira, o único país do mundo em que o ano continua começando em março, depois do carnaval, é o Brasil. E você, o que acha disso?  😉

Se você ainda não parou para planejar e organizar o seu ano, ainda dá tempo.

O fato de organizar algumas atividades com antecedência pode te ajudar a evitar incômodos e dores de cabeça, poupar tempo e economizar dinheiro.

Confira algumas dicas simples para você iniciar o ano com uma agenda organizada:

  1. Reserve espaços na sua agenda para os compromissos importantes, como a declaração de imposto de renda, pagamentos fixos (mensais, semestrais e anuais), aniversários de pessoas queridas, exames médicos, viagens e eventos recorrentes.
  2. Tenha objetivos e metas bem definidos. Coloque na sua agenda as atividades prioritárias, que vão te ajudar a alcançar suas metas e objetivos.
  3. Comece o seu dia com as atividades mais importantes. A maioria dos autores de produtividade, como Gary Keller e Jay Papasan (livro “A Única coisa) e Michael Heppel (livro “Comece pelo mais simples”) recomendam colocar a sua atividade mais importante no início do dia, ou no momento em que você está com o seu maior nível de energia. Dessa forma você diminui o risco de se ocupar somente com as atividades urgentes e deixar o que realmente importa para depois.

“Independente de quando o seu ano começa, sempre é tempo para planejar”

Organizar o seu calendário anual é uma atitude simples e rápida, que pode te ajudar a ter um ano muito mais produtivo e com melhores resultados.

Baixe gratuitamente o calendário de 2018 no link

 

 

 

 

 

Workshop Planejamento 2018

Workshop Planejamento 2018

Local: Casa Casulo – Rua Groenlândia, 160 – Jardim Paulista – São Paulo/SP
Link para inscrição: //bit.ly/planeja18


Você tem a clareza do que realmente é importante na sua vida?
Os seus objetivos e metas para 2018 estão definidos?
Como você está se preparando para ter melhores resultados?

O Workshop de planejamento é voltado para a mulher empreendedora que procura independência, tempo livre, autoconfiança, mais segurança para tomar decisões e “dizer nãos”.

Permita-se dedicar 8 horas do seu ano para refletir, ter um olhar questionador sobre a sua vida, definir suas prioridades e decidir onde você vai investir o seu tempo, a sua energia e o seu dinheiro.

Um bom planejamento é como um mapa, que vai orientar o seu caminho para conquistar seus objetivos com mais tranquilidade, agilidade e segurança.

A ideia de realizar esse Workshop de planejamento surgiu durante a revisão final do livro que eu estou escrevendo, sobre produtividade para mulheres empreendedoras.

O livro é um guia prático para as mulheres que querem encontrar formas de serem mais produtivas no mundo digital, que buscam o equilíbrio entre suas vidas pessoais e profissionais em um mundo que muda constantemente.

O Workshop apresenta algumas das atividades dos dois primeiros capítulos do livro e está dividido em 3 módulos:

Iniciamos com o autoconhecimento, falando sobre as áreas e papéis da vida, (re)descobrindo sonhos, desejos, valores pessoais, identificando o que você quer fazer com o seu tempo livre e como pode equilibrar sua vida pessoal e profissional.

No segundo módulo você vai identificar seus objetivos e resultados esperados, definir estratégias, calcular metas, alinhar expectativas e aprender técnicas de mentalização de alcance do objetivo.

Tudo o que você pretende fazer este ano cabe na sua agenda? No terceiro módulo você vai identificar tarefas recorrentes, aprender técnicas de organização da agenda semanal e mensal, priorizar atividades e calcular o seu tempo.

Você vai contar com diversas planilhas e modelos que vão te ajudar a acelerar o processo de planejamento, como o calendário 2018 e a “calculadora de tempo livre”.

Quer fazer de 2018 um ano mais produtivo?

Vamos juntas?

Faça a sua inscrição pelo link: //bit.ly/planeja18

Faça um Detox Digital e libere espaço para um novo ano

Faça um Detox Digital e libere espaço para um novo ano

Que tal iniciar o novo ano fazendo não só aquela limpeza clássica de organização de armários, roupas e papelada, mas encarar também um detox digital?

O que é detox?

O detox, ou processo de detoxificação é um termo muito utilizado na alimentação, e é um conjunto de estratégias para eliminar as toxinas e ajudar nosso corpo a funcionar melhor. Proporciona mais energia, vitalidade e mudanças no estilo de vida.

Assim como você pode ter exagerado nas calorias durante as festas de fim de ano, também pode ter exagerado no excesso de informações e arquivos armazenados durante o ano que passou. Só que como os arquivos ficam praticamente “escondidos”, você corre o risco de não perceber o quanto isso pode  contribuir para diminuir a sua produtividade.

Já aconteceu da sua caixa postal ficar cheia bem na hora de enviar um e-mail urgente para um cliente super importante? Já perdeu tempo tentando lembrar uma senha? E quando você tem várias versões do mesmo arquivo e acaba utilizando uma versão antiga ao invés da atualizada?

Assim como você precisa liberar espaço no armário para novos sapatos, bolsas e roupas, também vale a pena liberar espaço para novos projetos.

Na minha opinião, quanto mais arquivos inúteis e lixo eletrônico você tiver, mais tempo (e dinheiro) você pode perder. É como o seu armário. Quanto mais roupas e acessórios você tem, mais difícil é para você encontrá-los e mais tempo você gasta para manter tudo arrumado.

Lembre que a tecnologia existe pra te ajudar a ser ágil e produtiva e não pra te atrapalhar. Fazer um detox digital te ajuda a recuperar energia e olhar as coisas por outra perspectiva.

E como você pode iniciar o seu detox digital?

É tempo de avaliar 2017
Adelaide Giacomazzi
Adelaide Giacomazzi

É tempo de avaliar 2017

O fim do ano chegou. E talvez você esteja pensando como eu: “nossa, como o tempo passou rápido. Já é natal”.

O final do ano é a época ideal não só para celebrar e curtir momentos especiais com a família, mas também para avaliar.

A palavra avaliar vem do latim e significa “dar valor a”.

Quando você avalia algo está determinando um valor, um preço, a importância de alguma coisa.

Medir é diferente de avaliar. Quando medimos podemos utilizar escalas, provas e testes, fazendo um levantando dos dados existentes, obtendo números. Mas para existir uma avaliação é preciso fazer uma análise e construir um significado em cima desses números.

O ato de avaliar inclui a reflexão, o pensar. E principalmente, fazer conexões com os dados e informações.

Você pode, e deve, fazer uma avaliação da sua vida, tanto no lado pessoal como profissional.

Nesse último post de 2017 quero te convidar a fazer uma breve reflexão em relação ao ano que passou, uma autoavaliação. Pare por um momento, 10 minutos apenas, coloque uma música que você gosta, pegue um papel ou caneta, ou escreva no seu celular. Procure deixar registrado, pois o fato de escrever ajuda a você pensar melhor.

Utilize a imagem da árvore de natal abaixo.

Adelaide Giacomazzi
Adelaide Giacomazzi

Aprendendo a desenvolver um Mindset de Crescimento

Aprendendo a desenvolver um Mindset de Crescimento

Carol Dweck era uma jovem pesquisadora obcecada pela ideia de compreender como as pessoas lidavam com fracassos. Com o desafio de entender o tipo de mindset capaz de transformar o fracasso em um dom, ela começou a observar e analisar crianças e estudantes resolvendo problemas difíceis, utilizando quebra-cabeças. Enquanto algumas crianças preferiam alternativas mais seguras, evitavam errar e se entusiasmavam com o que era fácil, outras adoravam desafios, buscando novas soluções e ansiando por problemas cada vez mais difíceis.

Carol classificou esses tipos de comportamento em dois padrões: “Mindset fixo” e “Mindset de crescimento”.

Mindset Fixo

Uma pessoa com um Mindset fixo tem o único objetivo de provar a si mesma, na sala de aula, em suas carreiras e em seus relacionamentos. Cada situação passa por uma avaliação, na maioria das vezes inconsciente, e exige uma confirmação de sua inteligência, personalidade ou caráter. Esta pessoa está sempre se perguntando, se julgando, se cobrando, fazendo perguntas do tipo: